2018 11.30
0
0

Tiroteio em Minas: Defesa de policiais civis de SP destaca fragilidade das investigações

O advogado criminalista Leonardo Pantaleão, da Pantaleão Sociedade de Advogados, responsável pela defesa dos delegados de polícia Rodrigo Castro Salgado da Costa e Bruno Martins Magalhães Alves, bem como dos investigadores Eduardo Alberto Modolo Filho e Caio Augusto Freitas Ferreira de Lira – todos acusados em operação envolvendo a troca de tiros com policiais mineiros, destacou a preocupação com a fragilidade das investigações, a partir da prorrogação, por mais 30 dias das investigações, com a manutenção das prisões de seus clientes.

(mais…)

2018 11.30
0
0

Decisão de Bolsonaro em não editar indulto pode ser contestada

O presidente eleito afirmou que não vai assinar qualquer decreto para liberar presos durante o mandato

Enquanto o Supremo Tribunal Federal (STF) iniciava o julgamento sobre a constitucionalidade do decreto de indulto natalino assinado por Michel Temer, o presidente eleito, Jair Bolsonaro, afirmou que não vai conceder o benefício quando assumir o governo. A posição, no entanto, pode vir a ser contestada.  (mais…)

2018 11.21
0
0

Entenda a diferença entre crime de injúria racial e racismo

Neste próximo dia 20 de novembro, o país celebra o Dia da Consciência Negra. A data denota uma necessidade muito grande de debater e propor soluções contra a violência que mata um jovem negro a cada 23 minutos, segundo dados de órgãos nacionais.

Apesar do racismo e da injúria racial possuírem traços em comum que podem acabar fazendo com que exista confusão para que sejam identificados, as consequências são diversas. Diante de tais fatos e com esse tema em evidência, podem surgir dúvidas a respeito dos crimes relacionados a essa temática. (mais…)

2018 10.30
0
0

Tiroteio em MG foi resultado de golpe que não deu certo, diz polícia

A principal linha de investigação da Polícia Civil de Minas Gerais sobre o tiroteio entre policiais civis paulistas e mineiros em Juiz de Fora, na sexta-feira passada, aponta para uma ação de estelionato que não deu certo. O confronto deixou um policial mineiro morto e dois empresários feridos. Quatro agentes paulistas foram presos e R$ 14 milhões, apreendidos – parte do dinheiro seria falso.

(mais…)

2018 10.05
0
0

Justiça nega prisão de vereador de Osasco Josias da Juco

Além de Josias, outros vereadores, ex-vereadores e o prefeito de Osasco, Rogério Lins, respondem a ações penais pela suposta alocação de funcionários fantasmas na Câmara de Osasco. Nesta última quinta-feira, 27, o vereador de Osasco , Josias Nascimento de Jesus , conhecido como Josias da Juco (PSD), obteve decisão favorável do Tribunal de Justiça, após reiteração de pedido feito pelo Ministério Público (MP), que solicitava a prisão do parlamentar por suposta ameaça à testemunha, no processo que investiga contratações de funcionários fantasmas por diversos políticos na cidade – a chamada Operação Caça-Fantasmas.

 

(mais…)